Viajando de avião

Viajando de avião

De acordo com um grupo de pesquisa, 2012 foi o ano mais seguro para viajar de avião desde 1945. Segundo a Rede de Segurança de Aviação sediada na Holanda, o declínio no número de acidentes aéreos é o resultado de esforços dos grupos de aviação internacionais ao exigirem auditorias às companhias aéreas em todo o mundo, de modo a serem cumpridas as normas de segurança.

As companhias aéreas de todo o mundo – incluindo voos de passageiros e de carga – relataram apenas 23 acidentes resultando em 475 óbitos no ano passado, em comparação com a média dos últimos 10 anos de 34 acidentes e 773 mortes por ano.

Harro Ranter, presidente da Rede de Segurança de Aviação, a diminuição do número de acidentes é o resultado dos esforços de vários grupos de aviação internacionais ao exigirem auditorias às companhias aéreas em todo o mundo, de modo a serem cumpridas as normas de segurança.

A Organização da Aviação Civil Internacional, uma agência das Nações Unidas, não lançou as suas estatísticas para 2012, mas já tinha anteriormente observado que os acidentes de avião tinham diminuído.

Nos EUA, a base de dados da rede mostra apenas dois acidentes de avião comercial fatais no ano passado, resultando em duas mortes.

O pior acidente do ano ocorreu a 3 de junho, na Nigéria, resultando em 163 mortos.

Source: http://guia-viagens.aeiou.pt/2012-foi-o-ano-mais-seguro-para-viajar-de-aviao-desde-1945/


*****

Viajando de avião

23/12/2014 - 20h02

Lanche, telefonema, milhas, diárias. Ao escolher viajar pelos ares, o cidadão brasileiro tem a seu favor algumas prerrogativas que o protegem em casos de alteração, atraso, interrupção ou cancelamento do voo contratado. Uma cartilha, elaborada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na época da Copa do Mundo, fornece explicações simples e detalhadas sobre os direitos do passageiro.

Problemas relacionados aos direitos dos consumidores de companhias aéreas podem ser resolvidos nos juizados especiais que alguns Tribunais de Justiça mantêm nos aeroportos. Atrasos de voos, overbooking e extravio de bagagem são algumas das situações mais comuns levadas a esses juizados.

Entre os direitos dos passageiros, está o relacionado à comunicação, desde a primeira hora da ocorrência de um atraso no voo. A comunicação pode ser proporcionada pela internet ou pelo telefone. A partir de duas horas de atraso, a companhia aérea deve proporcionar aos passageiros alimentação adequada proporcional ao tempo de espera até o embarque (voucher, lanche, bebidas, etc.).

Quando o atraso supera quatro horas, é possível requerer acomodação em local adequado (espaço interno do aeroporto ou ambiente externo em condições satisfatórias para aguardar reacomodação) ou hospedagem e transporte ao local da acomodação.

Leia com atenção as situações que podem ocorrer com o passageiro e seus direitos aqui .

Conciliação e indenização – O atendimento no Juizado Especial é gratuito e tem por objetivo solucionar questões que envolvam valores de até 20 salários mínimos, sem a necessidade de advogado. Cada juizado possui uma equipe de funcionários e conciliadores sob a coordenação de um juiz, que tentará solucionar os conflitos por meio de um acordo amigável entre os viajantes e as companhias aéreas ou órgãos do governo.

Se não houver conciliação, o processo é encaminhado e redistribuído ao Juizado Especial Cível da comarca de residência do passageiro para prosseguimento e julgamento.

Vale lembrar, no entanto, que o consumidor pode se dirigir primeiramente à empresa aérea contratada para reivindicar seus direitos. Afinal, com a compra da passagem aérea, fica estabelecido entre a empresa e o cidadão um contrato de transporte.

Também é possível registrar uma reclamação contra a empresa aérea na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que pode aplicar sanção administrativa à empresa, caso seja constatado o descumprimento das normas da aviação civil.

Para reivindicar indenizações por danos morais ou materiais, o consumidor deve consultar os órgãos de defesa do consumidor ou se dirigir aos juizados especiais cíveis. Nestes casos, é importante guardar o comprovante do cartão de embarque, os comprovantes dos gastos eventualmente realizados (alimentação, transporte, hospedagem e comunicação) ou documentos relacionados à atividade profissional que seria cumprida no destino.

Criados em 2007 para agilizar o atendimento de demandas dos passageiros de empresas aéreas, os juizados especiais dos aeroportos são operados pelos Tribunais de Justiça estaduais.

Regina Bandeira

Agência CNJ de Notícias (com informações da ANAC)

Confira abaixo a localização e os contatos dos juizados dos aeroportos:

Aeroporto Internacional de Salvador

Local: Saguão de Desembarque – Térreo

Horário: 7h às 19h

Telefone: (71) 3365-4468

Aeroporto Internacional do Recife / Guararapes - Gilberto Freyre

Local: 1º andar, Ala Sul (próximo ao Check-In Sul)

Horário: Funcionamento: de domingo a domingo, das 7h às 19h

Telefone: (81) 3181-9139

Aeoporto Internacional Tom Jobim / Galeão

Local: 3º andar, em frente ao check-in da TAM internacional.

Horário: Todos os dias, das 6h às 22h.

Telefone: (21) 3814-7763

Rio Grande do Norte

Aeroporto Internacional de Natal / São Gonçalo do Amarante

Local: Subsolo do aeroporto.

Horário: 10h às 21h.

Telefone: (84) 3343-6287

Aeroporto Internacional de Guarulhos / Cumbica

Local: Terminal 1, Asa B, no corredor atrás dos balcões de check-in das empresas aéreas e ao lado do posto médico.

Horários: De segunda a sexta, das 10h às 19h.

Source: http://www.cnj.jus.br/noticias/cnj/30430-voce-conhece-os-direitos-do-cidadao-que-viaja-de-aviao


*****

Viajando de avião

Para as crianças, o tempo passado a bordo é uma aventura sem igual. Se as crianças estão bem preparadas, então os pais podem também viajar relaxados. Para menores desacompanhados, aplicam-se regulamentos especiais.

Crianças até 2 anos de idade incompletos: Seu filho precisa de uma passagem válida mas não de um assento. Sua passagem custará cerca de 10 % do preço normal. Durante o voo, a criança viaja sentada no colo de um adulto, com um cinto de segurança especial. Recém-nascidos, com menos de 7 dias de idade, precisam de um atestado do médico assistente comprovando sua aptidão para viajar. Se a criança completar 2 anos de idade durante a viagem, precisará reservar um assento para o voo de volta, pagando a diferença de tarifa correspondente.

Crianças entre 2 e 11 anos: Seu filho viaja com um lugar sentado próprio, a uma tarifa mais baixa (acrescida de taxa de serviço da SWISS). Se reservar online, a taxa de serviço normalmente é mais baixa.

Poderá levar sua cadeira de criança a bordo se seu filho tiver menos de 2 anos de idade e você tiver reservado um assento a bordo para ele. A cadeira deverá estar certificada para viagens de avião e caber nos assentos da SWISS (43 x 43 cm). Acomode a cadeirinha sobre o assento do avião e se precisar de ajuda, nossa tripulação terá todo o prazer em ajudar.

São permitidos os modelos de assento para criança Cares e LUFTIKID® .

Em voos de longo curso, em todas as classes, existem berços para bebê; em voos dentro da Europa, apenas estão disponíveis na classe executiva. Eles são homologados para bebês até 8 meses de idade, com peso máximo de 11 kg. O número de berços é limitado, por isso, reserve com antecedência junto de nosso Service Center .

Leve seu carrinho rebatível (modelo guarda-chuva) de bebê até ao avião. No balcão do check-in, receberá uma etiqueta correspondente. Em função do destino, o carrinho será entregue ao sair do avião ou junto com a entrega da bagagem. Carrinhos para gêmeos precisam ser despachados como bagagem devido ao seu tamanho.

Em todas as classes servimos menus para bebês para. Claro que também preparamos menus especiais para crianças por pedido. Em voos na Europa, este serviço apenas está disponível em Business Class. Menus para bebês e crianças poderão ser encomendados até 24 horas antes da partida, junto do Service Center .

Para que as crianças não fiquem entediadas, na maioria dos voos nossa tripulação distribui quebra-cabeças, livros de pintar e outros jogos. Em voos de longo curso, nossos passageiros mais jovens podem se divertir com filmes para todas as idades, video games e com o canal de música "kids".

Uma criança saudável pode voar sem qualquer risco para a saúde. Porém, se tiver alguma dúvida, consulte seu pediatra. Desaconselhamos a viagem caso seu filho esteja muito resfriado, tenha febre ou tenha sido sujeito a uma cirurgia há pouco tempo. No caso de doenças contagiosas, como catapora ou rubéola, os pais são obrigados a alterar areserva do voo. Poderá encontrar lugar em voos alternativos com pagamento de taxas.

No caso de doenças congênitas que não tenham sido detectadas, poderão ocorrer sintomas durante um voo. Entre essas doenças podem contar-se anemia grave, anomalias cardíacas ou más formações pulmonares.

Para menores desacompanhados, com idades entre 5 e 11 anos, é obrigatório contratar o serviço de acompanhamento. Passageiros menores, com idade entre 12 e 17 anos poderão reservar o serviço, se assim desejarem.

Source: http://www.swiss.com/gb/pt/preparar/aconselhamento-especial/viajar-com-criancas


*****

Viajando de avião

Como cada vez mais brasileiros têm viajado, naturalmente mais pessoas tem entrado em um avião pela primeira vez. Os preços mais baixos, aumento da renda da população, promoções, aumento de companhias e ofertas de voos são alguns exemplos de situações que fazem cada vez mais pessoas voarem pela primeira vez.

No entanto, qual são os primeiros detalhes para quem vai viajar de avião? Bom, são muitos, a começar pelo tempo. Em uma viagem de ônibus, o passageiro pode chegar entre 10 e 15 minutos de antecedência, comprar a passagem, colocar as malas no bagageiro do veículo, apresentar o documento de identidade e embarcar. Já no avião o processo é mais burocrático, lento e o usuário precisa chegar, no mínimo, com uma hora de antecedência.

É possível comprar a passagem pela internet, mas a mala precisa ser despachada no guichê da companhia aérea. Também é lá que o viajante pega o cartão de embarque e conhece em qual portão vai embarcar. Depois, ainda é necessário passar pelo detector de metais, entrar na sala de embarque e esperar a abertura do portão.

Já em voos internacionais é necessário chegar duas horas antes da partida do avião. Os guichês de check-in fecham cerca de 40 minutos antes do embarque. Também é importante fica de olho do quadro de horários de voos após o check-in, pois os voos estão sujeitos a atrasos e cancelamentos.

Dentro do avião

A bagagem de mão, aquela que passa pelo aparelho de raio-x junto ao detector de metais, deve ser acomodada nos compartimentos acima das poltronas. Caso precise de algo específico, há botões para chamar os comissários. Também são os comissários que darão as explicações sobre os procedimentos de emergência dentro do avião.

Acima do assento há botões de luz de leitura e para chamar o comissário, além da regulável entrada do ar-condicionado. O ar, no entanto, é individual e mesmo fechando o seu, pode continuar frio no ambiente. Uma dica importante é estar bem agasalhado dentro do avião, porque as aeronaves ficam em altas altitudes e lá em cima é muito mais frio do que aqui embaixo, sobretudo em voos noturnos.

Situações desconfortáveis

É possível que o passageiro enfrente turbulência, enjoo ou desconforto no ouvido. Na primeira ocasião, o avião pode trepidar e sacodir. A intensidade e duração variam, mas em momento algum isso significa que o avião irá cair. A única coisa a se fazer neste caso é ficar sentado, com o cinto afivelado e esperar passar a turbulência.

Os enjoos acontecem com algumas pessoas, geralmente por causa do nervosismo. Tente se manter calmo nesta situação, mas se não der, há saquinhos plásticos na bolsa em frente a cada assento. Outro dica é não exagerar na alimentação antes do voo para evitar esse tipo de desconforto. Já o ouvido sofre mesmo com o avião sendo pressurizado, pois algumas pessoas têm a audição mais sensível. Procure mascar chicletes e beber água para evitar as dores de ouvido e estalos.

Por fim, no desembarque, espere até o avião pousar, estacionar e liberarem as portas da aeronave. Depois disso, é retirar a bagagem de mãos acima da poltrona e esperar a bagagem despachada nas esteiras no saguão de desembarque.

Cada vez mais brasileiros utilizam o avião se locomover dentro e fora do Brasil

Source: http://www.tacerto.com/c/guia/viagem/tudo-sobre-viagem/viajando-de-aviao-pela-primeira-vez/

24.09.2020

New

31 2015 mar

Acessibilidade

Agencia de viagens rodoviarias Posted on maio 27, 2014 in Artigos by Isara Marques Leave a comment Desde o início do processo licitatório, em 2012, o...

02 2015 abr

Telefone das linhas aereas azul

Telefone das linhas aereas azul Novo Serviço de Ouvidoria Sinalização e revitalização Alameda de Serviços Estacionamentos Novos pontos de autoatendimento para pagamento e a implantação do sistema Sem...

21 2014 feb

Passagens aereas easyjet

Passagens aereas easyjet Promoções Ano de fundação: 1995 Sede Luton - Londres Código IATA: U2 Frota: Airbus A319, Boeing...

Popular on-line

Aviao da gol

Aviao da golO Boeing 737-800 da empresa Gol caiu, nesta sexta-feira no Mato Grosso com 155 pessoas a ... Saber mais...

Comprar voos

Comprar voosTransfer e EstacionamentoCampanha de PublicidadeComo posso pagar os meus voos?A Ryanair aceita PayPal, cartões American Express, cartões ... Saber mais...

Sonho com viagem de avião

Sonho com viagem de aviãoSonhar que você perde algo pode significar que você realmente perdi algo que você ... Saber mais...

Testimonials

Bem-vindo ao nosso site! Aqui você pode encontrar os voos mais baratos e hotéis para sua viagem.”

equipa de desenvolvimento, Viagens Aviao

Os nossos parceiros