Companhias aereas da europa

Companhias aereas da europa

Apesar dos esforços em curso, o Instituto Nacional de Aviação Civil não consegue provar a eficácia nos mecanismos de segurança internacional exigidos. A maior prejudicada é a estatal Linhas Aéreas de Moçambique (LAM).

Prevalecem incertezas quanto à retomada de voos das companhias aéreas de Moçambique para a Europa. Já passaram quatro anos desde que foram proibidas de sobrevoar o espaço aéreo europeu, por incumprimento de regras internacionais de segurança.

A entidade reguladora, o Instituto Nacional de Aviação Civil, procura, sem sucesso, inverter este cenário, que dura desde 2011. O assunto parece ser tão sensível que os intervenientes preferem o silêncio, como é o caso da companhia Linhas Aéreas de Moçambique. Através da sua assessoria de imprensa, a LAM limitou-se a assegurar telefonicamente à DW África estar a cumprir com suas obrigações como empresa.

Entretanto, o presidente do Conselho de Administração dos Aeroportos de Moçambique, Emanuel Chaves, admite que a situação é desconfortável para o país, mas minimiza. “Se não podemos ir para a Europa podemos ir para outros continentes.

A LAM está a preparar-se para começar a voar para outros continentes e os europeus como assim o querem vão continuar a voar para Moçambique. E por isso o cidadão moçambicano não está impedido de viajar para a Europa porque se fizerem isso vão perder uma clientela muito boa que é a moçambicana. Temos consciencvia que isto vai ter um fim mas pode não ser hoje ou amanhã mas vai terminar.”

Preços elevados

Outro assunto de peso na abordagem da aviação civil moçambicana prende-se com os altos custos das passagens aéreas que contrastam com a qualidade que se exige, como testemunha Ramú Andino, cliente da empresa.

Source: http://www.dw.de/companhias-a%25C3%25A9reas-mo%25C3%25A7ambicanas-sem-data-para-voltar-a-voar-para-a-europa/a-18207977


*****

Companhias aereas da europa

one world é uma aliança global de linhas aéreas que reúne 15 das melhores e maiores linhas aéreas do mundo, todas comprometidas em proporcionar serviços e valor de classe mundial.

A TAM. que se uniu à aliança one world em 31 de março de 2014, é a companhia aérea líder no Brasil, o país com a maior economia da América Latina e o maior mercado de transporte aéreo da região. A TAM serve 61 destinos em 16 países na América Latina, EUA e Europa, com uma frota de 172 aeronaves que operam 800 partidas diariamente. Em 2013, a TAM transportou mais de 37 milhões de passageiros.

Source: http://www.lan.com/pt_br/sitio_personas/experiencia-lan-e-tam/companhias-aereas-membro/index.html


*****

Companhias aereas da europa

Por: Redação / SAS | 22 de Março de 2006 às 15:29

A lista inclui 92 companhias de aviação de transporte de passageiros e de carga que ficam completamente banidas dos céus europeus e três que sofrem restrições operacionais, provenientes de 12 países fora da União Europeia (UE).

A maioria (51) das companhias interditadas é proveniente da República Democrática do Congo, 13 da Libéria, 11 da Guiné Equatorial, seis da Suazilândia, três da Libéria, e um da Coreia do Norte, Comores, Afeganistão, Cazaquistão, Quirguistão, Tailândia e Ruanda.

Três companhias - do Bangladesh, Líbia e República Democrática do Congo - sofrem restrições operacionais relativas à interdição de certos aviões voarem.

A «Phuket Airlines», da Tailândia, a «Air Kyoto», da «Coreia do Norte», a «Ariana Afghan Airlines» ou a congolesa «Africa One» são algumas das companhias proibidas, algumas das quais não operam actualmente na Europa, mas que poderiam vir a fazê-lo ou a ser requisitadas por outras.

Segundo a Comissão Europeia, a interdição e as restrições operacionais, que abrangem cerca de 300 aviões, foram impostas com base em evidências de violação «objectiva e transparente» das normas de segurança, depois de inspecções levadas a cabo em aeroportos europeus, do uso de aviões antigos e com pouca manutenção e da inabilidade das companhias corrigirem as deficiências detectadas nos controlos e das entidades de controlo de fiscalizarem os aparelhos.

«Esta lista manterá fora da Europa as companhias duvidosas e fará com que as transportadoras que operam nos céus europeus atinjam os altos padrões de segurança», afirmou em conferência de imprensa o comissário europeu dos Transportes, Jacques Barrot.

Com a publicação desta lista, é aplicado o princípio de que as companhias proibidas num Estado-membro serão interditadas na totalidade da UE, pelo que uma transportadora que não possa entrar num país não poderá registar-se noutro.

A medida entra em vigor a 25 de Março, dia seguinte à publicação da lista no Jornal Oficial das comunidades Europeias.

Ao mesmo tempo, Bruxelas propõe a obrigatoriedade que todas as companhias aéreas de países terceiros que operam ou queiram operar na Europa tenham um certificado de licença passado pela Agência Europeia de Segurança Aérea.

A lista foi elaborada com base em contribuições nacionais dos estados-membros, que comunicaram, a Bruxelas as companhias com problemas, e depois de uma análise «profunda» por especialistas dos Estados-membros após os contactos com as empresas indicadas.

A Comissão Europeia esta convencida que a lista negra das companhias de aviação terá um «impacto real» na segurança aérea na UE, tendo ao mesmo tempo um efeito punitivo e encorajador para que as companhias que operam na Europa cumpram todos os padrões de segurança e dissuasivo para as companhias «sem escrúpulos».

A lista será actualizada à medida das necessidades e, pelo menos, cada três meses, sendo possível a uma companhia sair e entrar dela, consoante o cumprimento ou não das medidas de segurança.

Source: http://www.tvi24.iol.pt/ortugal/aviacao/bruxelas-proibe-92-companhias-aereas-de-voar-na-europa


*****

Companhias aereas da europa

2014/12/12 Notícias

As companhias aéreas de Moçambique continuam proibidas de voar para a Europa mas a Comissão Europeia reconheceu “progressos”, insuficientes no entanto para as retirar da “lista negra”, de acordo com a informação oficial divulgada quinta-feira em Bruxelas.

“Registaram-se progressos em alguns países cujas transportadoras estão incluídas na lista, nomeadamente Filipinas, Sudão, Moçambique e Zâmbia, esperando nós que estes progressos possam levar a uma decisão positiva no futuro”, disse a comissária europeia para os Transportes, Violeta Bulc.

Na “lista negra” constam um total de 310 empresas de 21 estados, a maioria dos quais africanos, incluindo Angola, Moçambique e São Tomé e Príncipe, com excepções para o primeiro país.

A transportadora angolana Taag pode operar na União Europeia com um total de nove Boeing, cinco B777 e quatro B737-700, que estabelecem a ligação entre Luanda e Lisboa. (Macauhub/AO/MZ/PT)

Compartilhe esta notícia:

Notícias relacionadas:

Source: http://www.macauhub.com.mo/pt/2014/12/12/companhias-aereas-de-mocambique-continuam-proibidas-de-voar-para-a-europa/

01.12.2020

New

31 2015 mar

Viagens aereas nacionais

Viagens aereas nacionais Categorias Se você pretende viajar nas férias de julho é bom comprar as passagens aéreas e fazer as...

02 2015 abr

Companias aerias

Companias aerias En esta página: Nuestras compañías aéreas asociadas a SkyTeam 20 compañías aéreas asociadas a SkyTeam cooperan para que pueda viajar por el mundo con estilo...

21 2014 feb

Compra de avioes

Compra de avioes O ministro da Defesa Aguiar-Branco admitiu que a decisão de compra dos aviões KC-390 poderá acontecer em 2015. A decisão...

Popular on-line

Aviao da gol

Aviao da golO Boeing 737-800 da empresa Gol caiu, nesta sexta-feira no Mato Grosso com 155 pessoas ... Saber mais...

Qual é a diferença entre a classe turística e classe executiva?

Hoje em dia podemos encontrar bilhetes acessíveis  praticamente em qualquer companhia aérea do mundo. Por exemplo: para ... Saber mais...

As melhores ofertas de voos baratos de todas as companhias aéreas e também low cost estão aqui

Actualmente para qualquer potencial viajante, passou a existir uma possibilidade de adquirir passagens aéreas para qualquer voo ... Saber mais...

Testimonials

Bem-vindo ao nosso site! Aqui você pode encontrar os voos mais baratos e hotéis para sua viagem.”

equipa de desenvolvimento, Viagens Aviao

Os nossos parceiros