Passagem aerea alemanha

Passagem aerea alemanha

País: Alemanha | Região: Hessen | Cidade: Frankfurt | Localização: Europa

A tradicional arquitetura germânica. fator responsável por levar muitos turistas à Alemanha. está longe de ser a principal atração de Frankfurt. A cidade forrada de imponentes arranha-céus, muitas vezes parecida com Nova Iorque. é cortada pelo Rio Main e se tornou o centro financeiro e cultural do país.

Além de pessoas andando apressadas, este destino reserva ricas opções de entretenimento junto aos teatros, jardins e os mais de 50 museus. Prédios típicos são vistos na praça Römerberg. certamente o lugar mais alemão do município. Alguns modernos edifícios possuem mirantes nos últimos andares, perfeitos para fotos panorâmicas.

De aspecto universal, o turista precisará decidir entra a cozinha local ou a internacional. Independentemente da escolha, será possível conhecer um mundo de sabores. As consagradas salsichas. cidras e cervejas são quase patrimônios locais e não podem passar despercebidas.

Enquanto o centro abriga movimentadas ruas comerciais, bairros mais afastados têm ritmo calmo, lojas de segunda mão e butiques de atendimento quase personalizado.

Source: http://www.cvc.com.br/destinos/alemanha/frankfurt


*****

Passagem aerea alemanha

Berchtesgaden, Alemanha

Passamos a noite em Salzburgo para seguirmos viagem a Viena, porém ainda tínhamos programado duas paradas muito importantes. Iríamos conhecer a sede da Red Bull em Salzburgo mesmo e também iríamos para a cidade de Berchtesgaden na Alemanha, para conhecer o reduto de Hitler no alto da montanha, o famoso Ninho da Águia.

Nosso check-out do Hotel seria às 12:00 e saímos bem cedinho para o Museu da Red Bull que fica a apenas 22min do centro de Salzburgo. É no Museu Red Bull  que fica o Hangar 7 ,   situado no Aeroporto de Salzburgo;   um edifício multifuncional  , que abriga uma coleção de aviões históricos, helicópteros e um carro de Fórmula 1. O local  acomoda uma variedade de exposições, bem como possui um restaurante – o “Icarus”, dois bares, um lounge ao ar livre e um café. É um local extremamente aconchegante e muito bem estruturado.

Hangar 7 – Museu Red Bull – Salzburgo, Áustria

Voltamos para o Hotel para buscarmos as malas e fazermos o check-out e seguirmos para Berchtesgaden,  cidade  alemã situada nos Alpes Bávaros, no extremo sul da Alemanha e da Baviera, a mais ou menos 30km ao sul de Salzburgo, Áustria.

Nosso intuito ao irmos para Berchtesgaden era subir até a montanha Kehlstein  (1835 m), conhecida pelo “ninho da águia “(Kehlsteinhaus ) no seu pico. O ninho da águia foi construído como presente pelos 50 anos de Adolf Hitler. Bombardeado pelos britânicos em abril de 1945, o Ninho da Águia seria ocupado, em seguida, pelos americanos, que descobriram preciosidades escondidas no bunker. Havia milhares de caixas de grandes safras de vinhos roubadas dos franceses, e obras de arte pilhadas de colecionadores judeus. Para chegar ao cofre no qual as relíquias estavam guardadas, havia um elevador construído na rocha, com poltronas de veludo e folheado a ouro. Antes de abandonar o local, os nazistas quebraram a máquina e abandonaram as riquezas surrupiadas, mas não conseguiram apagar a história. No fim da guerra não foi destruído, e ainda hoje pode-se admirar um belo panorama de lá. Hitler por sua vez foi pouquíssimas vezes a esse lugar, pois ele sentia muita falta de ar devido a altura.

Ninho da Águia

Infelizmente para nossa decepção a montanha estava fechada pois ainda havia neve no local. A visitação seria aberta em 2 dias porém não tínhamos como continuar na cidade. Subimos até onde era permitido, chegando a um pequeno vilarejo maravilhoso.

Como não conseguimos visitar o Ninho da Águia, encontramos um vídeo no youtube que mostra um pouca da experiência de andar no elevador de ouro de Adolf Hitler.

O máximo que conseguimos ver do Ninho da Águia

A cidade de Berchtesgaden, apesar de pequena é muito bonita, com um rio cristalino correndo ao lado da estrada e os Alpes como paisagem por todos os cantos que se olhe. Vale a pena dar uma esticadinha e conhecer essa linda cidade alemã.

Saímos das redondezas de Berchtesgaden e pegamos a estrada com destino a Viena, na Áustria. Foram 3 horas e meia de viagem, por uma estrada impecavelmente lisa e sem nenhum pedágio… parece difícil de acreditar mas já tínhamos rodado mais de 700km desde que pegamos o carro em Munique e não tínhamos pago nenhum pedágio

Entrando em Viena, Áustria

Chegamos em Viena no finalzinho da tarde e fomos direto para o Hotel. O Hotel que reservamos em Viena foi o All Season President Viena através do site da Rede de Hotéis Accor . Ficamos em Viena 3 noites e pagamos EUR 330.30 (R$ 830.00) com café da manhã. O hotel é simples no estilo Ibis mas muito aconchegante e com uma localização excelente; o centro comercial da cidade ficava há mais ou menos 10min de caminhada do hotel. Um ponto negativo do hotel é o estacionamento, penamos para descer com o carro por uma rampa muito estreita, carro pequeno entra fácil mas carro grande como o Ford Kuga que estávamos, dá um trabalhão para manobrar, sem contar que se paga EUR 15.00 por dia pelo estacionamento.

Hotel All Seasons Wien President

Após o check-in e subirmos para deixarmos as malas, fomos dar uma volta no centro para procurarmos um restaurante para almoçarmos/jantarmos. Encontramos um pequeno restaurante, estilo lanchonete onde comemos um delicioso risoto de funghi e depois um crepe de chocolate de sobremesa. A comida na Áustria tem muita pimenta, portanto estejam preparados para queimar a língua

O cansaço já tinha tomado conta de nosso corpo e queríamos ir para o hotel para descansarmos. O dia seguinte seria o início de nosso passeio por Viena.

- Se você é fanático pela segunda guerra e a visita ao Ninho da Águia é indispensável, visite o site oficial (clique aqui ) para saber os períodos que a visitação está aberta. Em 2013 o Ninho da Águia ficara fechado de 22/out/2012 a meados de maio/2013.

- No Hangar 7 são vendidos alguns tipos de sabores de Red Bull que não existem no Brasil, compramos um kit com 6 tipos diferentes para experimentar.

- Berchtesgaden foi a cidade preferida dos principais líderes nazistas na segunda guerra. Os oficiais do Führer como: Goebles, Martin Bormann (secretário de Hitler), Hermann Göring (Comandante da Força Aérea Alemã) e Albert Speer (arquiteto) possuíam casas em Berchtesgaden devido a beleza e tranquilidade do lugar. Por isso a visita, nem que seja rápida, vale muito a pena.

Source: http://www.viagemdetalhada.com.br/?p=1393


*****

Passagem aerea alemanha

Alemanha

Na Alemanha há uma grande variedade de meios de hospedagem que variam de quartos privativos para férias até hotéis super luxuosos. Mesmo os hotéis de categorias inferiores e preços mais baixos são controlados e seguem padrões, de modo que sempre se pode esperar o mínimo de conforto necessário em hospedagem. As organizações hoteleiras regionais e os departamentos de turismo locais publicam os seus próprios catálogos de hotéis. As reservas podem ser feitas diretamente no sistema de reservas dos hotéis, nas organizações hoteleiras, aeroportos e organizações de turismo. Agências de turismo também trabalham em conjunto com os hotéis.

Por toda a Alemanha existem hotéis das mais variadas categorias. Você pode pernoitar tanto em apartamentos luxuosíssimos, em hotéis de categoria média como também se hospedar em pequenos hotéis econômicos. De Flensburg até Munique, de Aachen até Dresden existem hotéis que irão satisfazer suas necessidades de acordo com os critérios estabelecidos pelos padrões de classificação hoteleira Alemã, como por exemplo os luxuosíssimos e recheados de estrelas (um dos critérios de classificação), Accor, ArabellaSheraton e Maritim.

VISITE LINDAU

Não perca a oportunidade de conhecer este maravilhoso local, à beira do Lago Constance, entre a Alemanha, Suíça e Austria. Paisagens lindas. Vale apena ficar ao menos um final de semana.

MUNIQUE NO VERÃO

Se você estiver no verão, em Munique, aproveite para ir até Bad Tölz. Trata-se de uma estação de esqui, onde, quando não há neve, pode-se subir caminhando até o topo da montanha. A paisagem é deslumbrante (podendo-se ver os Alpes ao fundo) embora a montanha tenha 2.300 metros e a subida seja um pouco cansativa. Nada de meter medo! Se preferir, pode-se ir de teleférico, que funciona mesmo no verão. Na descida, pode-se fazer uma refeição barata em um restaurante típico com paisagem de colinas, vaquinhas malhadas e tudo mais. Ainda podemos descer a montanha em um trenó que tem carrinhos especiais para o verão e inverno, e de graça! Obviamente, se for inverno a estação de esqui estará funcionando, mas aí dependerá da sua habilidade de esquiador (se você é brasileiro, provavelmente essa não é a sua praia!), além de aluguel de equipamento, instrutores, etc.

HACKSCHER MARKT

Estando em Berlim não deixe de visitar o Hakesche Hoefe e o Hackscher Markt, principalmente à noite, quando o bairro ferve. Lá você encontra discotecas mais cool, restaurantes, cinemas, bares entre outros. Vale a pena uma visita. Pra chegar lá pegue o S-Bahn Hackescher Markt ou o metro Rosenthaler Str.

AOS AMANTES DA CERVEJA

Em Berlim uma boa dica pros amantes da cerveja é uma visita a Luisen-Braeu. Fica em frente ao castelo de Charlottenburg, que também merece uma visita e a cerveja é deliciosa e feita no local. Pegue os ônibus 109 ou 145. Ou se você preferir um Biergarten, um dos mais visitados e mais antigo da cidade é o Prater. Só está aberto entre abril e setembro. Fica localizado no bairro de Prenzlauer Berg e a rua é a Kastanienallee.

ESCULTURA DE 3 MIL ANOS

Estive no ultimo fim-de-semana em Berlin e Dresden, que foram, talvez, as cidades alemãs mais destruídas na II guerra mundial. Impressionante! Pura história; tudo muito interessante. São duas cidades que merecem ser visitadas. A minha dica é sobre Nefertite, uma escultura de 3 mil anos de idade; talvez uma das artes mais famosas existentes na Terra, igualando-se em importância à Monalisa ou Vênus de Milo. Normalmente ela é exposta no museu egípcio de Berlin, entretanto este se encontra fechado para reformas, e suas obras estão expostas no Altesmuseum. Entrada por 8 euros (4 euros para estudante). Boa viagem e boa sorte aos mochileiros!

COMO CONHECER BERLIM

Uma boa dica pra conhecer Berlim é descer na estação de metrô Alexander Platz (onde fica a praça de mesmo nome c/ aquele relógio q mostra o horário de várias cidades do mundo). De lá vc já consegue ver a torre da RDA, seguindo em frente tem a Rathaus (prefeitura) e vários monumentos e prédios históricos terminando na Parisier Platz onde fica o Portão de Brandeburgo. Os prédios são magníficos, a av. Under den Linden é muito bonita, enfim, uma aula de historia a céu aberto! Detalhe: consegui fazer esse roteiro seguindo as dicas do Guia do Viajante Independente!

PASSEIO DE ÔNIBUS

Pra quem não tem a mínima noção do que fazer em Berlim em pouco tempo, aí vão minhas dicas: pegue o ônibus n.100, ele passa pelo Parlamento Alemão, o "Gross Stern" e perto do "Brandenburgerger Tor", esses são pontos por onde todos os turistas tem que passar! Ainda existem 3 "pedaços" do muro de Berlim espalhados em pontos diferentes da cidade, então (com um mapa e falando um alemão básico) não será difícil de encontrar esse grande monumento histórico. Outro ponto é a "Gedächtniskirche" (uma igreja que foi atingida por uma bomba na II Guerra Mundial. Indo a esses locais já da para conhecer muito de Berlim e sua história.

PÔR-DO-SOL E CERVEJA

Alemanha: região do Reno. Complementando a informação sobre o "Por-do-Sol". A melhor Altbier, tirada na hora do barril é a da cervejaria Uerige, que conta também com ótimo serviço (garçons servindo um chope atrás do outro, como no Brasil). Um pouco mais caro, mas moderno e sofisticado é o Bar am Kaiserteich, ao lado do Museu K21. Ótimos drinks, decoração meio psicodélica em harmonia com a proposta do museu (arte moderna) Se você vai passar um tempo na região, não deixe de reservar 1 dia para a pequena Bad Münstereifel, aos sul de Bonn. Cidadezinha medieval cercada por uma muralha do temo da ocupação romana na região, cortada pelo riacho Erft e rodeada por muita natureza.Muita gente se hospeda ali para assistir o Grande Prêmio da Europa de Fórmula 1, em Nürburgring.

TROPICAL ISLAND

A moda agora na Alemanha é uma "praia fechada" perto de Berlim: o Tropical Island. Quem for visitar a capital não pode deixar de ir nesse paraíso que foi inspirado no Brasil e na Indonésia. Realmente vale a pena ir lá conhecer!

EM BERLIM

Onde ficar: Circus hotel - um dos mais modernos da cidade, tem internet, café, bar, emprestam livros, eles tem site na net. Diárias a partir de 18 euros. desça na estação rosenthaler platz o nome da rua é weinbergsweg (o metro pára quase na porta )O que visitar: Faça o walktour que dura um dia inteiro por apenas 10 euros, você pode comprar no albergue, lá também tem um passe de apenas 02 euros que te dá direito de conhecer 12 museus municipais, o mais interessante deles é o egípcio. Pegue o ônibus 100 que faz a mesma rota dos ônibus turístico, não deixe de descer no jardim zoológico, no parlamento, no palácio e no potsdamer strabe. Não deixe de ir ao checkpoint charlie, museu dos judeus, e o campo de concentração sachsemhausen (30km ao norte de Berlim). Se você tiver 1 mês para Berlim, olha não vai faltar atrações culturais, garantoO que comer: Nas terças e sextas há uma feira turca (estação maybachufer) onde você pode comer comida turca gastando pouco. Não gosto muito da culinária alemã, então dá difícil de dá dica.Baladas: Para quem gosta de música tecno, Berlim é o que mais tem, uma das melhores é a Tesor. Para quem gosta de um estilo mais mauricinho é melhor procurar do lado oeste. Tem uma bar brasileiro chamado muvuca, cuidado, fui roubada nesse bar, mas apesar disso voltei lá dia seguinte, tem música brasileira.

CASTELOS EM FÜSSEN

Para quem vai para Munique vale a pena passar em Füssen que fica há mais ou menos 1 hora de trem. Na cidade tem um dos castelos mais encantadores de toda a Europa, o Neuchwenstein e um menor o Hoheschwangau. O primeiro inspirou o castelo da Cinderela na Disney. Dá pra comprar um ticket para os dois castelos juntos que ficam bem próximos. Até o trajeto de trem de Munique até Füssen é maravilhoso pois dá pra ver os Alpes Austríacos. Em alguns hotéis em Munique eles vão tentar vender um passeio para estes castelos mas sai bem mais caro e não compensa.

EM HEIDELBERG

Se você tiver oportunidade de ir a Heidelberg, não deixe de visitar o Castelo da cidade que é lindíssimo e em setembro rola a chamada Schlossfestspiele. E ao Kurpfälzisches Museum que fica localizado no centro da cidade. ATRAÇÕES DA CAPITAL

Berlim é linda e vale a pena visitar. Não deixem de ir ao já mencionado Checkpoint Charlie, ir ao mercado turco em Kreuzberg, ao campo de concentração Sachsenhausen em Oranienburg e pegar o ônibus de número 100, que passa na Unten der Linden e você terá oportunidade de ver vários pontos turísticos da capital alemã.

A MARAVILHOSA BERLIM

Berlin merece um capítulo a parte quem quiser saber me manda um email. Mas eu posso adiantar q a cidade é tudo, o lance do muro ainda é muito forte, uma cidade estranha, calma, enorme, linda, moderna. Não deixem de ir na East Side Gallery, no bairro Kreuzberg que é reduto dos turcos lá fica o albergue BAXPAX que é muito legal. E coma muita comida de rua na cidade.

DICAS GAYS

Em Berlin as noites de domingo (Cafe Fatal) e quarta (Hungry Hearts) do clube S036 em Kreuzberg são imperdiveis. O bairro Kreuzberg alias é um dos mais simpáticos para os gays lá que fica o Gay Museum (Schwules). Mas o epicentro mesmo fica em Schoneberg. Confira a programação das boates em revistas q vc pode encontrar no Mann-o-Meter, que fica em frente a estação de metro Nollendorfplatz. MUSEU DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA ALEMÃO

O Deutches Museum em Munique é loucura total. O negócio é gigante e abrange várias áreas das ciências e da tecnologia, da aviação à engenharia, passando pela física, navegação, mineração, tudo, absolutamente tudo. Dá pra passar uma tarde inteira e não ver nem metade do que tem. A lamentar apenas o fato de que boa parte das exposições conta com informações apenas em alemão, nada de english. Deve ser fruto da rivalidade.

MUSEU DE TESOUROS ANTIGOS

Berlim tem muitos museus que valem a pena. Além do pitoresco Checkpoint Charlie já falado, não deixe de entrar no Pergamon. Só recomendo que antes dê uma boa estudada de história antiga, caso não manje muito do assunto. O museu é a casa de tesouros antigos bastante relevantes, como o Altar Pergamon, O Portão do Mercado de Mileto e construções da Babilônia. Mesmo quem não se liga muito em história é impossível que não tenha alguma manifestação diante de construções de milhares de anos como essas. nem que seja um "caralho!"

RATIFICANDO PREÇOS EM MOEDA ANTIGA

O Schönes Wochenende Ticket, que antes da troca da moeda, custava 40DM para viagens em grupos de até 5 pessoas e era válido para o sábado e domingo para viajar por toda a Alemanha em trens mais lentos, agora custa 28€ apenas para um dos dias do final de semana. Um verdadeiro absurdo! Ele é valido entre as 9h da manha até as 3 da madrugada. Quem opta por viajar durante a semana ou aproveitar o fim-de-semana a partir da sexta, pode optar por tickets regionais sob as mesmas condições, só que a 21€. Ele válido somente para a região onde vc o comprou mais as cidades próximas as fronteiras entre os estados. Para saber quais trens é possível usá-los, basta olhar os nomes impressos no ticket. É aconselhável pedir a ao atendente da Deutsche Bahn (companhia de trens alemã) que imprima o trajeto que vc pretende fazer, pois vc ter surpresas como ter que andar de uma estação de trem pra outra na mesma cidade, as vezes debaixo de neve, ou levar quase um dia inteiro de viagem para chegar logo ali. O melhor é sempre procurar o melhor custo-benefício. As vezes pagando-se um pouco mais por um trem mais rápido e poucas conexões é melhor do que perder um dia inteiro fazendo várias baldeações.

O PICO MAIS ALTO DA ALEMANHA É CARO

Para quem pretende ir ao Zugsptitze, o ponto mais alto da Alemanha, com 2996m, 20m mais baixo que o pico da Neblina, terá que desembolsar absurdos 42€. Pra quem não quiser perder a viagem, vale ir ao Alpspitze, que fica 300m mais baixo pela metade do preço. O cenário também é de neve e belas paisagens.

MUDANÇA NO SISTEMA

Sistema preços de trem na Alemanha está mudando a partir de dezembro. Para quem comprar passagem antecipada rola uns descontos legais!

CORRA QUE O FISCAL VEM AÍ - PARTE 2

Perfeita a informação passada pela Magda. Morei um tempo na Alemanha e, semelhante à Áustria, o sistema de transporte deles não possui qualquer espécie de catraca. O pagamento dos ônibus/metrôs/"bondes" é feito sem necessidade de catracas. Realmente existem fiscais, os quais são fáceis de se identificar, mas não acredite que somente esses realizam a fiscalização. Ainda que somente os de fácil identificação atuassem, acreditem, não dá para ficar fugindo assim. Sigam a sugestão da viajante Magda, paguem a passagem. Isso evita transtornos, aborrecimentos e uma bela multa!

BARRIGA DE CERVEJA SE PERDE COM PEDALADAS

Em Munique, o transporte, ônibus, metrô (U-Bahn e S-Bahn) e bondes te levam para todos os cantos. É perfeito. Mas melhor ainda é andar de bike. A cidade é a mais plana que já ví, assim como Amsterdam. E lá de bicicleta vc é respeitado, pois há ciclovias em todas as ruas, com sinalização e semáforos apropriados. De bicicleta vc pode conhecer toda cidade, pois de metrô, vc anda por baixo e não vê o caminho que ele fez, além de perder uns quilinhos das cervejas que vai tomar lá (peça a Löwenbrau). Ficar uns 5 dias é o ideal, pois tem muita coisa pra fazer.

OUTROS LOCAIS PARA DANÇAR

195.52.219.145/index.phix. Se você estiver em Berlim no mês de julho, não perca a Love Parade. É o maior carnaval de música techno do mundo. É muito divertido. tem até casal pelado andando pela festa, que acontece num dos principais pontos turísticos de Berlim, ao ar livre. Leia mais em www.loveparade.de. E se você quiser continuar a festa, vá de noite para a Ostbahnhof (estação de trem) que todo ano eles fazem uma rave para os viajantes!!

PASSE DE TREM VIA INTERNET

www.bahn.de/

CIDADE VIZINHA DA OKTOBERFEST

Quem pretender ir pra Munique, especialmente na época da Oktoberfest, uma opção é parar em Augsburg, uma pequena cidade bem legalzinha distante cerca de 50 minutos de trem. O único problema é que tem que se ligar pra não perder o último trem Munique-Augsburg, na volta da bebedeira.

DORMINDO EM MUNIQUE

E aí rapazeada, se vcs estão pensando em ir para Munique e gastar o menos possível, aí vai uma dica: www.the-tent.com. A The Tent possui boa localização, café da manhã, ducha e td mais. Fiquei dormindo em cama na barraca coletiva, pagando 11 Euros (c/ café e td mais). Aproveitem a barbada.

COMIDA TURCA NA ALEMANHA

Para aqueles que estão indo para a Alemanha pela primeira vez, e além de provar a comida e cerveja alemãs, também queiram provar uma comida "típica alemã" (na verdade a comida é turca), não deixem de comer um Döner Kebap (sanduíche) que vc encontra em qualquer quiosque turco (vc verá milhares pela cidade). Vc não se arrependerá. É maravilhoso.

VIAJANDO COM DESCONTO

Quem estiver indo para a Alemanha estudar, e também quiser viajar, peça na sua escola, ou curso, a sua carteirinha de estudante (como aqui no Brasil). Com ela vc pode comprar o seu BahnCard em qualquer estação de trem. Com ele vc ganha um belíssimo desconto nas suas viagens. O BahnCard não é muito barato, mas vale a pena se vc for ficar alguns meses por lá. Os descontos na maioria das vezes são de 50% (para viagens dentro da Alemanha). Com a carteirinha de estudante, além de te dar a possibilidade de comprar o BahnCard, vc também ganha descontos em alguns cinemas, teatros, etc, não só na Alemanha, como em outros países. Ela quebra o maior galho. Faça as contas e veja se vale a pena comprar o BahnCard. Falouuu.

ZONA DO MERETRÍCIO EM HAMBURGO

Ao chegar a Hamburgo, no norte da Alemanha, tratei logo de me informar onde aconteciam as baladas. O recepcionista do albergue deu uma risadinha (que fui entender algumas horas mais tarde!) e me indicou uma avenida chamada Repperbahn. Quando lá cheguei, descobri que era a zona do meretrício da cidade, só que muito segura e policiada! Me diverti por horas nos enormes Sex Shops que existem por lá! Sem falar das garotas na rua: uma mais linda do que a outra. O problema é que elas tentam de qualquer jeito te levar para o quarto delas, onde você nunca sabe que surpresa o aguarda! Vale a visita!

ALUGUE UMA BIKE NO ALBERGUE

Berlim é alucinante. O albergue Backpacker é ótimo! Um bom programa é alugar uma bike no próprio albergue e sair pedalando conhecendo a cidade. De noite, pra quem se amarra num som eletrônico, a boate Tresor é a melhor pedida! Muita doideira!

CERVEJARIA VIAJANTE

Em Munique, não deixe de ir na Hofbrauhausm, a cervejaria mais conhecida pelos turistas. É um ótimo lugar para conhecer outros viajantes (ainda mais se você estiver sozinho, como eu estava). O lugar fecha antes de meia noite, mas é ideal pra encher a cara e partir pra night!

CASAS DE FAMÍLIA

Quem estiver viajando pelo sul da Alemanha vale a pena dar uma olhada nas casas de família, as vezes é mais barato que o Albergue e se consegue sempre um bom quarto e um bom café da manha. Na alta temporada tem que reservar antes, mas na baixa se consegue bem facilzinho um lugar.

BALADA EM COLÔNIA

Quem for para Colônia na Alemanha tem de ir à boate "Das Ding", só tem universitário e o som é muito legal! De terça-feira vá para um bar no AlterMarket chamado Flanagan's a cerveja é só DM 1,00 e a Tequila é DM 2,00, muito barato.

ÓTIMO LUGAR EM BERLIM

Berlim Oriental, tem uma dezena de barzinhos um ao lado do outro, algumas raves, bons restaurantes, mini-salas de teatro com shows imperdíveis de toda parte do mundo.PS: se acordares de ressaca após a farra na Orange Strasse, o passeio pelo Zoológico de Berlim será extremamente relaxante e educativo. Um forte abraço.

CHECKPOINT CHARLIE MUSEUM

Quem for a Berlim não pode deixar de visitar o Checkpoint Charlie Museum! Este museu conta toda a história do Muro de Berlim e exibe muitos detalhes interessantes, como os disfarces e artifícios que os alemãs orientais utilizavam para ultrapassar o muro. É emocionante.

ATENÇÃO AOS TICKETS

Um recadinho ao pessoal que está passando (ou querendo passar) pela Alemanha: Quando viajar nos finais de semana, fique atento ao "Schönes Wochenende Ticket". Ele vale pra cinco pessoas, custa DM35,00 e tu podes viajar durante o sábado ou domingo por todos os cantos do país. Só tem que prestar atenção que não é válido pra todos os trens (não fazer como eu que embarquei no primeiro trem que apareceu e paguei aquela multa. Faz parte da aventura. Mas depois dessa, aprendi rapidinho). Pra região de Bayern, tem o "Bayern Ticket" que custa DM40,00, também vale pra cinco pessoas e tu viajas de segunda à sexta- feira, à vontade numa das regiões mais belas da Alemanha. Não é válido pra todos os trens. Boa viagem amigo.

TREKKING

Uma barbada legal é fazer trekkings na região de Garmisch-Partenkirchen no sul da Alemanha (Bayern ou Bavária). É a região dos alpes alemães e se pode fazer ótimas caminhadas passando por lugares impressionantes como o castelo de Neuschwanstein, algumas vilas "perdidas" onde pode-se encontrar os típicos bávaros (velhinhos) com aqueles macacões de couro e chapéu, e que falam dialetos que nem de longe se parecem com a língua alemã. Pode-se chegar até o Zugspitze (ponto mais alto da Alemanha) se fizer bom tempo. Fui no verão e peguei algo em torno de 0ºC por lá. Há vários chalés lá em cima das montanhas também. Os pontos de partida podem ser Munique, Salzburgo, Füssen, onde fica o castelo, ou mesmo Garmisch-Partenkirchen. Agora é só pegar o jaquetão, a bota (resistente à neve), a coragem e boa caminhada.

HEIDELBERG

Coma na Mensa, restaurante universitário, muito barato e com um ambiente super legal. A ceva de jarro é barata e extra típica.

BAD URACH

Se você quer conhecer o mais típico alemão, vá para Bad Urach, uma cidade de 10.000 habitantes perdida entre os Schwäbische Alben. De trem é uma hora e meia de Stuttgart. Tem um castelo show, vale a pena se você gosta de trekking.

VERSAILLES NA ALEMANHA

O Castelo do Rei Ludwig II solitário numa ilha do lago Chiemsee (na cidade de Prien) é uma réplica do castelo de Versailles em tamanho reduzido. Para chegar lá, só de barco. No verão, a cidade vira centro de esportes náuticos. No inverno, a ilha tem um bar bem aconchegante e a travessia do lago tem lá seu charme. Se tiver um tempinho, caminhe pelo interior da cidade: há belas florestas e lagos de água cristalina, sempre vigiados pela vista dos alpes austríacos.

DANÇANDO EM MUNIQUE

Para dançar a noite toda fique na última estação antes da Hauptbahnhof (estação central). Há várias discotecas com o melhor do techno. E para aqueles que quiserem mergulhar na cultura alemã, rola até um rockpop nativo. Questão de opção.

NEM TUDO É CERVEJA

Tudo bem. A Baviera, em especial Munique, é conhecida por sua cerveja. Porém, há duas outras bebidas características do lugar: tequila amarela com laranja e canela e "porradinha" de tequila com champagne. Prosit!

PIQUENIQUE COM BOMBAS

O abrigo anti-bombas U Boot Bunker Valentin localizado na beira do rio Weser entre Bremen e Bremerhaven, é o maior para submarinos acima da terra do mundo. O negócio não chegou a ficar pronto, mas se ficasse, a guerra poderia acabar diferente. Três submarinos por mês seriam construídos lá. As paredes de concreto têm nada mais nada menos do que 5 metros de espessura. Para chegar lá basta pegar o ônibus número 70 em Bremen (1 hora de viagem) e descer na parada Rekumer Siel. O abrigo foi bombardeado mas nem parece. É indestrutível. Vale a pena fazer um piquenique lá por perto.

PÔR-DO-SOL NO RENO

Em Düsseldorf você não pode perder o pôr-do-sol na beira do rio Reno. Parece que todos saem da aula e do serviço para passar o final da tarde sentados tomando uma cerveja em algum bar na avenida beira rio (Rheinuferpromenade), que fica na parte velha da cidade (Altstadt).

SEGUINDO A LINHA VERMELHA

Em Hannover a melhor forma de se conhecer a cidade é seguir a linha vermelha, pintada na calçada, e que começa na Hauptbahnhof (estação central). Ela leva aos principais pontos da cidade em mais ou menos 2 horas, e termina no mesmo local onde começou. É muito difícil se perder. Não deixe de subir na torre da prefeitura (Rathaus) e ter a melhor vista da cidade e do lago. No tourist office você pode conseguir um mapa mais detalhado das atrações com fatos sobre os pontos turísticos da linha vermelha (em inglês e alemão).

Para não cair em roubadas

Se alguém for a Berlim e estiver disposto a fazer um passeio naqueles ônibus sightseeing, fujam de uma empresa ( a maior da cidade) com ônibus amarelos com um símbolo circlesightseeing. Ao adquirir o bilhete (que lhe dá o direito de subir e descer quantas vezes quiser) eles lhe vendem a informação de que os passeios são até as 18h, mas se você tentar embarcar em um dos veículos às 17h30, por exemplo, vai ouvir de uma maneira muito ignorante dos motoristas alemães que já encerrou a rota. E não adianta tentar argumentar, eles são grossos, estúpidos e praticamente lhe expulsam do veículo. Fiquei em ponto turístico distante do hotel num dia de chuva.

SEM TICKET NO METRÔ

É uma grande roubada tentar andar de graça nos metrôs da Alemanha. Se o fiscal pegar, e eles não andam uniformizados e sim á paisana, a multa é enorme, e a bronca maior ainda. Berros e gritos e ameaças. Vi isso bem de perto em Berlin, aconteceu no vagão que eu estava, além do que a pessoa é retirada do trem e a bronca continua, não sei até quando.

NEO-NAZISTAS EM BERLIM

Para quem quer visitar Berlim, recomendo que tomem cuidado nas ruas à noite. Não parece, mas tem muitos neo-nazistas loucos para espancar um estrangeiro. O que aconteceu foi o seguinte: estava voltando para casa que estava hospedada quando percebi que alguém caminhava logo atrás de mim. Quando me virei rapidamente para ver quem era, putz! Um skinhead, vestido de preto como de costume. O cara começou a correr, pois queria me bater, claro! Como já tinha sido avisada, comecei a correr e a gritar. Por sorte o povo alemão adora uma confusão, e logo as janelas dos aptos estavam cheias de gente. A minha sorte foi que apareceram três punks, e socaram o cara. Ufa! Tomem cuidado ao andar na rua, independente de raça cor ou credo, os caras sacam que você é estrangeiro. Neo-nazistas nunca "atacam" sozinhos, mas nesse caso eu estava sozinha. Já com os punks, fique relaxado, se você não mexer com eles, eles não mexem com você, e de quebra podem salvar tua pele, não porque eles gostam de estrangeiros, mas porque odeiam skinheads e afins.

RUAS COM O MESMO NOME

Em Berlim, há três ruas com o mesmo nome: Potsdammer Strasse. Há uma rua com esse mesmo nome também em Teltow (cidade satélite de Berlim). Cuidado ao fazer reservas: eu reservei um quarto num hotel de Teltow (longe do centro de Berlim 40 minutos de trem) pensando que era na Potsdammer St do centro.

CUIDADO ALBERGUES NA ALEMANHA

Muito cuidado na Alemanha com os albergues, pois sei de gente que foi roubada à noite. Um rapaz da minha família e a namorada dele estavam dormindo e deixaram as mochilas no chão, o quarto era só deles, mesmo assim alguem abriu a porta à noite, tirou todo o dinheiro deles, a mochila nova e a câmera digital. Deixaram os cartões de crédito e os passaportes, ladrões bonzinhos. Cuidado com a mochila à noite, ponha tudo de valor de baixo do travesseiro.

ALBERGUE FECHADO EM BERLIM

Sabe o Albergue independente ABC, Rheins-berger Strasse, 78 em Berlim. Pois é, ele fechou. Cheguei lá em outubro de 2005, com malas nas costas tarde cansado e o bagulho fechou!

HORÁRIO DE TRENS

Esse papo de que trem na Europa é pontual, que não atrasa. tudo papo furado! Nem na Alemanha os trens chegam no horário. Nunca planeje viagens contando que o trem vai chegar exatamente na hora marcada. perdi varias conexões de trens porque o trem que eu estava chegou mais de meia hora atrasado na estação e não deu tempo de pegar o outro.

VER URSINHOS POR 3 DÓLARES

Em Munique, na Marienplatz que é uma das praças principais da cidade vimos um tipo de relóginho embaixo de uma torre e resolvemos entrar pra ver o que tinha. Vimos uma enorme escada em caracol e fomos subindo por curiosidade. De repente uma mulher veio correndo atrás da gente dizendo que aquilo era um museu e custava 3 euros. Pagamos e descobrimos que apenas tinha uns ursinhos numas prateleiras pequenas. Deu muita raiva de ter jogado 3 euros fora. ainda tive de ouvir um monte de uma menina muito chata que estava comigo.

NÃO FIQUE NO ÚLTIMO VAGÃO

Quando em minha trip pela Europa no inverno viajando de trem, sempre gostava de ficar nos últimos vagões por superstição minha. Já na Alemanha durante a madrugada o trem fez um stop em uma estação só que o trem demorou muito tempo parado nesta estação e quando descobrir o trem já havia ido embora e o vagão que eu estava ficou parado nesta estação. Isto ás 03:00 da manhã com -6º graus negativo e tudo deserto e fechado. tive que esperar até ás 06:20 para pegar um outro trem. que roubada.

Source: http://europafacildicas.blogspot.com/2007/10/alemanha.html

22.05.2018

New

31 2015 mar

Empresas aereas rj

Empresas aereas rj 04/11/2013 - 20h11 Akemi Nitahara Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro – Os valores das passagens aéreas para o período...

02 2015 abr

Passagens aereas natal

Passagens aereas natal A Azul começou vender agora a pouco as passagens para Natal. Os vôos começam em 01/12 os...

21 2014 feb

Empresas aereas bh

Empresas aereas bh Explanation: There is a problem with the page you are trying to reach and it...

Popular on-line

Bilhete de avião tem iva

Bilhete de avião tem ivaTransfer e EstacionamentoCampanha de PublicidadeComo posso obter um recibo para o meu voo?O seu Itinerário de viagem ou Confirmação ... Saber mais...

Voos baratos de madrugada

Voos baratos de madrugadaHome / Passagens Aéreas Promocionais / Viajar de Madrugada é Alternativa para Vôos BaratosQuer viajar de avião, mas acha que ... Saber mais...

Aviao da gol

Aviao da golO Boeing 737-800 da empresa Gol caiu, nesta sexta-feira no Mato Grosso com 155 pessoas a bordo. Os integrantes da Forзa ... Saber mais...

Testimonials

Bem-vindo ao nosso site! Aqui você pode encontrar os voos mais baratos e hotéis para sua viagem.”

equipa de desenvolvimento, Viagens Aviao

Os nossos parceiros